Muito além de uma breve história da música em Caxias

Será lançado dia 8 de dezembro o filme Volume um! Em bom som, de Jorge de Jesus. O filme consumiu mais de 50 horas de gravação, com mais de 40 músicos, produtores, e donos de gravadora. O filme, finalizado, em 1h20min, tem patrocínio do Fundoprocultura, da prefeitura de Caxias.

O filme será lançado em diversos pontos da cidade ao mesmo tempo. Dia 8, às 21h, será exibido no Zarabatana Café (com a presença do diretor), além de exibições nos bares Leeds, Mississippi, Vagão, La Barra e Badulê. No mesmo horário, a TV da Câmara vai exibir o documentário na tevê. E. No dia 9, o dilme será exibido em sessão única no UCS Cinema, às 21h.

Um filme sobre música. Ou melhor, um filme sobre a música de Caxias do Sul. Melhor ainda, um filme sobre gente que fez (faz) música própria em Caxias. E no meio disso tudo, uma porção de gente discutindo porque raios a produção de música em Caxias não consegue alçar vôo e consolidar-se noutras plagas. Tem exceções, é claro, e essas exceções são “o charme” do documentário.

O fio condutor do documentário são as memórias do Jorge de Jesus (roteirista e diretor do filme) pelo universo da música em Caxias. Jorge atualmente é DJ e é conhecido pelo codinome de Mono. Mas Jorge já foi vocalista, produtor de banda, roadie, colador de cartaz na madrugada, empresário, dono de bar, e ultimamente anda flertando com fotografia. No cinema dirigiu dois filmes de ficção “Sapateiro” e “Um Dia na Vida”, ambos financiados pelo Fundoprocultura.

A partir das memórias do Jorge, o documentário costura a vida e obra de diferentes personagens da música de Caxias. Da Lobo da Estepe, marco do rock na cidade, passando por Bandida, Apocalypse e Neon, chegando até os dias atuais. Não é um filme sobre o Jorge, mas um documentário em primeira pessoa em que o Jorge vai mesclar suas lembranças as lembranças dos entrevistados. Colocando no mesmo patamar gêneros distintos da música como pagode e metal.

Haverá a apresentação de muito material inédito inclusive com shows gravados em vídeos nas décadas de 80 e 90. Registros esses que as traças comeriam, não fosse o interesse do Jorge em revelar ao público quem são os personagens que construíram as bases para a música autoral em Caxias e que desde os anos 70 vem modificando a maneira de a juventude pensar. Ao mesmo tempo em que revela acontecimentos e recorda pessoas importantes, o documentário lança aos entrevistados (e consequentemente aos espectadores) perguntas que tem o claro objetivo de esclarecer porque a música produzida em Caxias é nada, ou quase nada, valorizada em Caxias.

DOCUMENTÁRIO VOLUME UM! EM BOM SOM

Direção e roteiro: Jorge de Jesus

Assistente de direção: Marcelo Mugnol

Produção: Lindonês Silveira

Pesquisa: Jorge de Jesus e Liana Pulita Martini

OBS: Leia matéria completa no link: http://ocaxiense.com.br/2009/12/imp-as-muitas-cenas-do-rock-n-roll/

Assista: http://vimeo.com/7972944 – Parte 1

http://vimeo.com/8028897 – Parte 2

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s